Rolê suce$$o no Uruguai

Tá com aquela sensação constante de querer disparar vários “waissfoüder” por dia? Vá viajar! Pegue sua mochila, junte uns trocados e dê um tempo. “Tcheiquirizi!” Foi assim que fui parar no Uruguai semana passada. Quem me dera o Nordeste e suas praias, sol e povo gente boa. Infelizmente, as minhas condiçõe$$ não permitiram.

É… Mas valeu a pena enfrentar a friaca no vizinho, tomar umas brejas “Pilsen” e fazer novas amizades. Aqui vão algumas dicas e fotos de um rolê de mochileiro.

A arquitetura da cidade vale a pena! Cada predião bacana!

Aeroporto: só troque alguns reais no câmbio. Pouco, que garanta uma chegada até a cidade. Pra se ter uma ideia, o real estava valendo 9,04 pesos uruguaios. Já em Montevideo só o que você vai encontrar é casa de câmbio pagando 10,80 no seu real. Outro possível prejú: O táxi no aeroporto é caro prakar… Até a Plaza da Independenza, por exemplo, custa 1.100 pesos uruguaios, ou seja, mais de 100 reais. Dica: Se estiver só, faça amizades e rache o táxi. Aí compensa! A comunidade brasileira é bem unida fora de casa, às vezes até mais que por aqui…

Bora pra final hermanos!

Hospedagem: paguei 10,80 dólares (uns 17 reais), pra ficar num albergue da rede Che Lagarto, com café da manhã, internet, cozinha, bar e gente interessante do mundo inteiro. Todos os recepcionistas são bacanas, alguns até saem na night com grupo, e tem o Jack, recepcionista brasileiro que pode ajudar com algumas dicas em português. O lugar é limpo e bem localizado, fica na praça principal. Dica: leve um cadeado pra trancar suas coisas e moeda local ou dólar pra pagar, pois infelizmente não aceitam cartão.

Rodada de Tango em uma praça, no domingo à tarde...

Baladas: Há várias opções na Rua Bartolomeu Mitre, point da galera nos finais de semana. Gente bacana, mulherada ‘hermosa’, povo animado que curtem brasileiros e ainda compartilham das piadas com argentinos. As festas começam às 2h e vão até… Bom, fiquei até as 7h, não tenho certeza dessa informação. Engraçado: há casas que tocam de tudo e você pode matar saudades de hits nacionais como “Boquinha da garrafa”, “Dança da Bundinha”, “Kaoma” e por aí vai…

"Fonte dos cadeados", tem lenda e tudo. Tente decifrar...

Segurança: não vacile com mapas abertos nas ruas, muito dinheiro, bancando o turista. Curiosidade: O nome da capital Montevideo, segundo me explicou uma tiazinha das informações turísticas, tem sentido cartográfico e significa a junção de Monte + VI (sexto) + deo (De Este a Oeste) = “Sexto monte de este a oeste”.

Se liga no Hot Dot uruguaio, o Super Pancho! O pão é um pouco maior que uma bisnaguinha, já a salsicha... hahaha

Idioma: Nem esquente com a língua. Os Hermanos entendem direitinho o seu Portuñol e até se arriscam no Espanguês.

Babel hermana do Hostel: americano, turca, cubano e uruguaio

Hasta la vista!

Creber

Anúncios

Sobre waissfoüderes

A equipe "waissfouderes" é formada por Creber, Drica, Falácia, Felícia e Psicotropical. Por enquanto... Siga o nosso twitter: @waissfouder
Esse post foi publicado em ficadica, viagem e marcado , , , , , . Guardar link permanente.

5 respostas para Rolê suce$$o no Uruguai

  1. E quantos dias ficou na cidade? Deu até vontade de bancar o mochileiro, viu?! Aliás, depois que comecei a trabalhar na ong, todos os países latino-americanos têm se tornado mais próximos, e após suas dicas, quem sabe o rolê não role brevemente. Juntar grana e cair no mundo!
    Abraço,
    Vagner

  2. Cleber disse:

    Entonces, Vagner… Saí daqui na sexta (08) à noite e chegaria lá por volta das 01h30, mas atrasou e só cheguei tipo 3h, do sábado. Voltei na segunda pela manhã. Enfim, fiquei o final de semana. Vale a pena? Vale! Mas se puder pegar mais uns dias pra aproveitar, melhor ainda… Acho que uma boa também é ir fora dessa temporada de férias e frio. Outra ideia é visitar a Argentina, que compensa mai$ financeiramente, tem mais coisas pra fazer e a comida é melhor. Agora, o Uruguai tava com as passagens mais em conta, mas também estuda Bolívia, Peru, Chile…
    Abraço

  3. Drica disse:

    Poxa!!! Legal, hein? As fotos dão uma bela amostra…
    Acho que adoraria assistir esse tango na praça e também comer esse hot dog uruguaio…
    Mas faltou uma informação valiosa a centésima potência, Creber… Vc disse que las mujeres son hermosas… Pero… y los hombres… y los hombres! 😛
    Besos

  4. Eleide disse:

    Puxa vida! Faltamos nessa aventura..espero que na próxima você não esqueça de nos convidar hein…rs..rs.
    Ah! Hoje faz 3 anos que realizamos um sonho. Valeu por tudooooo
    Bjs

  5. Cleber disse:

    Chicas, Chicas! Eleide, bateu saudade hoje mesmo da nossa trip! E curti muito a sua ideia, bora todos numa próxima, assim, Drica poderá tirar sua dúvida sobre los hombres… rsrsrss Eu achei o povo bonitão! Claro que tem suas tranqueiras também…
    Eleide, Drica, Vagner, Hey ho… “Evribary”!

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s